<script async src="//pagead2.googlesyndication.com/pagead/js/adsbygoogle.js"></script> <!-- mmusicradiorock_sidebar_AdSense1_1x1_as --> <ins class="adsbygoogle" style="display:block" data-ad-client="ca-pub-5732212802343663" data-ad-slot="8592965930" data-ad-format="auto"></ins> <script> (adsbygoogle = window.adsbygoogle || []).push({}); </script>
<script async src="//pagead2.googlesyndication.com/pagead/js/adsbygoogle.js"></script>
<!-- mmusicradiorock_sidebar_AdSense1_1x1_as -->
<ins class="adsbygoogle"
style="display:block"
data-ad-client="ca-pub-5732212802343663"
data-ad-slot="8592965930"
data-ad-format="auto"></ins>
<script>
(adsbygoogle = window.adsbygoogle || []).push({});
</script>

domingo, 9 de abril de 2017

Líder do Y&T vê maior hit como benção e maldição ao mesmo tempo

Líder do Y&T vê maior hit como benção e maldição ao mesmo tempo

Lançada em 1985, “Summertime Girls” se tornou o maior hit da carreira do Y&T. Dá até para dizer que garantiu a aposentadoria dos envolvidos. Porém, o vocalista e guitarrista Dave Meniketti confessa ter sentimentos divididos em relação à canção. “É uma faca de dois gumes. Ficamos felizes com o sucesso mas, ao mesmo tempo, ficamos frustrados ao sermos reconhecidos apenas por esta canção. Ela é uma entre as centenas que fizemos. Quando alguém diz que somos a banda de ‘Summertime Girls’ respondemos que essa pessoa precisa ir a um show nosso”.

Nenhum comentário:

Postar um comentário