<script async src="//pagead2.googlesyndication.com/pagead/js/adsbygoogle.js"></script> <!-- mmusicradiorock_sidebar_AdSense1_1x1_as --> <ins class="adsbygoogle" style="display:block" data-ad-client="ca-pub-5732212802343663" data-ad-slot="8592965930" data-ad-format="auto"></ins> <script> (adsbygoogle = window.adsbygoogle || []).push({}); </script>
<script async src="//pagead2.googlesyndication.com/pagead/js/adsbygoogle.js"></script>
<!-- mmusicradiorock_sidebar_AdSense1_1x1_as -->
<ins class="adsbygoogle"
style="display:block"
data-ad-client="ca-pub-5732212802343663"
data-ad-slot="8592965930"
data-ad-format="auto"></ins>
<script>
(adsbygoogle = window.adsbygoogle || []).push({});
</script>

sexta-feira, 19 de maio de 2017

Iron Maiden retira “Hallowed Be Thy Name” dos shows após acusação de plágio

Iron Maiden retira “Hallowed Be Thy Name” dos shows após acusação de plágio

O Iron Maiden está sendo acusado de plágio. A acusação vem de Barry McKay, manager aposentado de diversas bandas, que acionou legalmente Steve Harris e Dave Murray, que, segundo ele, copiaram um trecho da música “Living in My Shadow”, canção composta por Brian Quinn e gravada os anos 1970 pela banda Backett, na clássica “Hallowed Be Thy Name”.

O interessante é que Murray nem foi creditado como autor da música, que foi escrita totalmente por Harris.

De acordo com o jornal inglês The Telegraph, devido a essa situação a banda foi forçada a retirar “Hallowed Be Thy Name” do setlist da atual turnê, que promove o álbum “The Book of Souls” (2015) pela Europa.

Fonte: Van do Halen/ Collectors Room

Nenhum comentário:

Postar um comentário