<script async src="//pagead2.googlesyndication.com/pagead/js/adsbygoogle.js"></script> <!-- mmusicradiorock_sidebar_AdSense1_1x1_as --> <ins class="adsbygoogle" style="display:block" data-ad-client="ca-pub-5732212802343663" data-ad-slot="8592965930" data-ad-format="auto"></ins> <script> (adsbygoogle = window.adsbygoogle || []).push({}); </script>
<script async src="//pagead2.googlesyndication.com/pagead/js/adsbygoogle.js"></script>
<!-- mmusicradiorock_sidebar_AdSense1_1x1_as -->
<ins class="adsbygoogle"
style="display:block"
data-ad-client="ca-pub-5732212802343663"
data-ad-slot="8592965930"
data-ad-format="auto"></ins>
<script>
(adsbygoogle = window.adsbygoogle || []).push({});
</script>

terça-feira, 31 de outubro de 2017

Courtney Love e Frances Bean lutam pela não divulgação de fotos da cena de morte de Kurt Cobain

Courtney Love e Frances Bean lutam pela não divulgação de fotos da cena de morte de Kurt Cobain


Courtney Love e sua filha Frances Bean estão em uma batalha judicial contra a divulgação das fotos do corpo de Kurt Cobain, no dia de sua morte. De acordo com a imprensa internacional, o jornalista Richard Lee afirma que o líder do Nirvana foi assassinado.

Cobain morreu em abril de 1994, após tirar sua própria vida com uma espingarda. Entretanto, há 23 anos, o jornalista e teórico da conspiração Richard Lee tenta comprovar sua tese de que o músico não foi vítima de suicídio, mas sim que teria sido assassinado.

Agora, segundo o The Blast, Courtney Love e Frances Bean estão enfrentando um processo judicial contra Lee e sua tentativa de divulgar fotos policiais, registradas na cena de morte de Kurt Cobain. Ao que tudo indica, as fotos mostram o corpo de Kurt Cobain “deitado na residência da família, após ter levado um tiro na cabeça.”

No passado, Richard Lee já havia tentado divulgar as fotos e chegou a processar o Departamento de Polícia de Seattle, mas saiu sem sucesso. Em 2016, ele iniciou uma nova campanha.

A família do vocalista do Nirvana defende que o compartilhamento dessas imagens “não só agravaria o estresse pós-traumático que Frances Bean Cobain sofreu desde a infância, mas a comprometeria fisicamente, assim como sua mãe, e encorajaria mais perseguidores perturbados e ameaças fanáticas.”
Courtney Love afirma que Richard Lee tem “perseguido e assediado” sua família por muitos anos e ainda descreveu a perda de Kurt como a mais traumática experiência de sua vida. “Isso me deixou fisicamente perturbada e ainda sofro emocionalmente com a perda do meu marido até hoje,” disse ela. Frances Bean complementou a fala da mãe afirmando que “teve que lidar com o trauma da morte de seu pai por toda sua vida.”

Fonte: Mari Pacheco – Portal Rockline

Nenhum comentário:

Postar um comentário