David Gilmour surpreende ao responder se o Pink Floyd pode voltar a fazer shows

 ´



Em entrevista para promover o recém-lançado "Hey Hey Rise Up", foi perguntado a David Gilmour se ele planeja colocar o Pink Floyd na estrada novamente, e o músico, 76 anos de idade, deu a surpreendente resposta.

"Nem pensamos em fazer shows ao vivo, mas eu suponho que exista uma possibilidade. Eu não faço show há muito tempo, mas quem sabe - eu não sei".

A última performance ao vivo da banda foi realizada em 2005, durante o Live 8. Mas o último show completo está prestes a completar três décadas, pois foi em 1994 no Earls Court de Londres, na última data da turnê do "The Division Bell". Mason e Waters volta e meia estão na estrada, e Gilmour fez seu último show ao vivo em 2016.

Em 2019, o baterista Nick Mason disse que "estava pronto" para uma reunião do Pink Floyd, mas acrescentou que "com certeza não iria esquentar a cabeça com isso" devido aos conflitos entreDavid Gilmour e Roger Waters"Hey Hey Rise Up", lançado em abril deste ano, traz os integrantes originais David Gilmour na  guitarra e Nick Mason  na bateria, além dos músicos Guy Pratt (baixo) e Nitin Sawhney (teclados), e conta ainda com a participação do vocalista Andriy Khlyvnyuk, da banda ucraniana Boombox. Este foi o primeiro material inédito do  Pink Floyd  a sair também em quase três décadas, já que o "The Endless River" trouxe músicas feitas na época das sessões do "The Division Bell".

0 Comentários

Postar um comentário

Post a Comment (0)

Postagem Anterior Próxima Postagem

slide

TOCANDO AGORA